terça-feira, 22 de janeiro de 2013

Postado por Vânia Barberan às 11:00    Sem comentários
“Está vivo, mestre. Mas é seguro para as pessoas comerem?” — “Vamos vender, saberemos em 5 ou 10 anos”

Às vésperas do Natal, a americana Food and Drug Administration (FDA) anunciou ter concluído que o salmão transgênico não apresenta impacto significativo ao meio ambiente. Para o órgão, o peixe modificado é tão seguro quanto o salmão convencional do Atlântico. O fato torna a nova espécie virtualmente liberada para comercialização.

Veja em:
http://pratoslimpos.org.br/?p=5267


Foto: “Está vivo, mestre. Mas é seguro para as pessoas comerem?” — “Vamos vender, saberemos em 5 ou 10 anos”

Às vésperas do Natal, a americana Food and Drug Administration (FDA) anunciou ter concluído que o salmão transgênico não apresenta impacto significativo ao meio ambiente. Para o órgão, o peixe modificado é tão seguro quanto o salmão convencional do Atlântico. O fato torna a nova espécie virtualmente liberada para comercialização.

Veja em:
http://pratoslimpos.org.br/?p=5267

0 comentários:

Postar um comentário