sexta-feira, 19 de abril de 2013

Postado por Vânia Barberan às 12:13    Sem comentários



O Azeite de Oliva é o representante mais famoso do grupo das gorduras boas
O Azeite de Oliva é o representante mais famoso do grupo das gorduras boas Foto: Foto montagem

Larissa Moggi
Tamanho do texto A A A
Gordura emagrece? Parece até mentira! Mas o que passa despercebido na hora de montar uma dieta para desfilar aquele corpão na estação mais quente do ano, é que existem gorduras que são fortes aliadas na perda de peso. E ainda fazem bem à saúde! É o que acontece com as gorduras insaturadas - encontradas, em sua maioria, em alimentos de origem vegetal.


Todo tipo de salada com azeite ajuda no bom funcionamento do corpo
Todo tipo de salada com azeite ajuda no bom funcionamento do corpo Foto: Divulgação/Rogério Azevedo

Para a nutricionista Vania Barberan, eliminar a gordura da alimentação é um erro:
- Tirar a gordura da refeição é um equívoco, porque gera uma alimentação desequilibrada. Quando a pessoa tem uma quantidade boa de gorduras saudáveis no corpo, as células ficam mais flexíveis e, assim, retém menos água e sódio. E isso, consequentemente, favorece o emagrecimento.


A nutricionista aconselha a trocar a carne vermelha por peixe
A nutricionista aconselha a trocar a carne vermelha por peixe Foto: Divulgação/Extra

Gorduras saturadas x gorduras insaturadas
Segundo a nutricionista, 25% da nossa alimentação diária deve ser de gorduras. Mas o importante é não tratá-las de forma igual.
- Não se deve ter essa porcentagem toda de gordura saturada, porque engorda e faz mal, principalmente as gorduras trans, que são derivadas dos processos de industrialização.


O azeite é fonte de vitamina E, A, K, ferro, cálcio, magnésio, potássio e aminoácidos
O azeite é fonte de vitamina E, A, K, ferro, cálcio, magnésio, potássio e aminoácidos Foto: Divulgação/Extra

Confira os pratos e seus tipos de gordura:
- Gorduras "ruins" (saturadas): todos os pratos que levem carne - de frango, boi ou suína -, e produtos industrializados.
- Gorduras "boas" (insaturadas): pratos que levem azeite, como a bacalhoada, por exemplo; peixe com azeite; comidas baianas com leite de coco e azeite de dendê; pratos à base de leite de coco; e saladas com azeite.
O óleo de coco, apesar de ser uma gordura saturada, é flexível. A quantidade de ácidos graxos é muito semelhante ao leite materno, que é facilmente quebrável.


O óleo de coco tem teor de gordura saturada semelhante ao do leite materno
O óleo de coco tem teor de gordura saturada semelhante ao do leite materno Foto: Divulgação/O Globo

Confira abaixo dez gorduras indicadas para incluir na dieta, indicados pela nutricionista:
Óleo de abóbora, óleo de macadâmia, óleo de linhaça, castanha do pará, castanha de caju, semente de abóbora, óleo de peixe, óleo de coco e óleo de avelã.
Elimine o que não é saudável da sua dieta e faça das gorduras boas uma aliada na hora de cuidar da saúde e ter aquela barriga sequinha!


A macadâmia é um alimento com alto teor de gordura insaturada
A macadâmia é um alimento com alto teor de gordura insaturada Foto: Divulgação/Gilberto Scofield Jr.



A castanha de caju é um fruto seco que ajuda a diminuir o colesterol
A castanha de caju é um fruto seco que ajuda a diminuir o colesterol Foto: Divulgação/André Teixeira



Os grãos completam a dieta e podem ajudar na redução de peso
Os grãos completam a dieta e po


Leia mais: http://extra.globo.com/mulher/corpo/aposte-nelas-gorduras-boas-ajudam-manter-boa-forma-a-saude-do-corpo-7302017.html#ixzz2QwDyeYtV

Assuntos: , , , , , ,

0 comentários:

Postar um comentário