quarta-feira, 21 de maio de 2014

Postado por Vânia Barberan às 09:33    Sem comentários


Sucos de frutas frescas são uma boa opção


Leia mais: http://extra.globo.com/noticias/saude-e-ciencia/nutricionistas-indicam-trocas-de-produtos-nas-compras-para-uma-alimentacao-melhor-12522429.html#ixzz32Mu057p3

Diego Barreto

A busca por uma vida mais saudável parece estar mudando hábitos alimentares dos brasileiros. Pesquisa divulgada pela Associação Paulista de Supermercados (APAS) revelou queda nas vendas de produtos como cigarros, refrigerantes, açúcar e carne congelada. Ao mesmo tempo, itens que aumentam a qualidade de vida como azeite, iogurtes e leite fermentado tiveram aumento de consumo no último ano.
De acordo com nutricionistas, levar para casa um carrinho mais saudável não representa necessariamente mais custos para o consumidor. Mas é preciso ter atenção com produtos que o senso comum considera menos nocivos e, na verdade, são pouco benéficos para a saúde.
Um desses “falsos saudáveis” são os sucos prontos de caixinha. O item pode ser substituído por sucos de frutas frescas, feitos com polpa congelada ou os 100% integrais (sem açúcar e água).
— Dentro da caixinha tem uma goiaba e meia. Para parecer cremoso tem muito emulsificante. Assim como corante para dar cor. A quantidade de açúcar é maior. Minha campanha é pela limonada ou a laranjada — diz a nutricionista Vânia Barberan, colaboradora do Conselho Regional de Nutrição do Rio(CRN-RJ).
Outro mito que o consumidor deve deixar de lado é a utilização de produtos diet e light para o ganho de saúde.
— Estes produtos são para um público com restrições de açúcares e gorduras. Produtos diet muitas vezes não têm açúcar, mas tem mais gordura — diz a nutricionista Sonja Salles, também do CRN.
Os adoçantes também não devem substituir o açúcar.
— Se o indivíduo não é portador de diabetes, não deve usar adoçante. O melhor é optar por açúcar mascavo em quantidade moderada — alerta a nutricionista Anna Paola Conde, do CRN-RJ.
Bisnaga no lugar do pão integral
Nem todos os produtos são consenso entre os nutricionistas. Na seção de padaria, por exemplo, há quem defenda a tradicional bisnaga em vez do pão integral, queridinho das dietas.
— O pão integral nos mercados tem mais química para aumentar a validade. Recomendo bisnaga — diz Vânia Barberan.
No entanto, para Sonja Salles, o integral ainda traz pontos positivos:
— Aumenta o consumo de fibras na dieta alimentar.
A opção pela manteiga no lugar da margarina também surpreende.
— A manteiga é leite e sal. O uso moderado é mais indicado que margarina, que tem mais de 15 ingredientes, diferentes tipos de óleo e conservantes — explica Vânia.
Unânime mesmo é o conselho para evitar embutidos, como salsicha, mortadela e salame.
A mudança de hábitos alimentares do brasileiro parece ter influenciado também uma das mais famosas redes de lanchonetes do mundo. O McDonald’s incluiu esta semana em seu cardápio um prato executivo composto por arroz, feijão, salada e hambúrguer (nas opções de carne, frango ou peixe). O prato, que sequer é anunciado nos letreiros das lojas, custa R$ 23.
‘Biscoito pode ser trocado por fruta assada’
Depoimento de Vânia Barberan, nutricionista colaboradora do CRN-RJ
“Não é preciso gastar muito para ter uma dieta saudável. Muitas coisas baratas, por vezes, passam despercebidas. Eu defendo a volta de coisas simples, mas boas para a saúde. Os biscoitos podem ser trocados por fruta assada. Simples, só colocar a maçã ou a pêra no forno micro-ondas com casca por um minuto. Outra boa substituição são os bolos de caneca. Não os prontos. Existem receitas fáceis e rápidas com ovos, leite e farinha de trigo. A pipoca de micro-ondas pode ser substituída pelo milho de pipoca. Basta colocar num recipiente fechado e apertar a tecla pipoca.”


Leia mais: http://extra.globo.com/noticias/saude-e-ciencia/nutricionistas-indicam-trocas-de-produtos-nas-compras-para-uma-alimentacao-melhor-12522429.html#ixzz32MtrcJWA

Assuntos: , ,

0 comentários:

Postar um comentário